Sala de Leitura

Desta terra nada vai sobrar, a não ser o vento que sopra sobre ela, de Ignácio de Loyola Brandão

  Ignácio de Loyola Brandão pretendia publicar um novo romance em 2016, quando completou 80 anos. Mais de 200 páginas estavam escritas quando ele percebeu que não era nada daquilo....

Negrinha, Monteiro Lobato

// Monteiro Lobato Negrinha era uma pobre órfã de sete anos. Preta?? Não. Fusca, mulatinha escura, de cabelos ruços e olhos assustados. Nascera na senzala, de mãe escrava, e seus...

Pandemia e agronegócio, de Rob Wallace

Edição brasileira de Big Farms Make Big Flu: Dispatches on Influenza, Agribusiness, and the Nature of Science (Monthly Review Press, 2016) do filogeógrafo e biólogo evolucionista estadunidense Rob Wallace; uma...

A Bailarina da Morte, de Lilia Moritz Schwarcz

No início do século XX, uma doença chegou ao Brasil a bordo de navios vindos da Europa. A gripe espanhola, como ficou conhecida a explosão pandêmica de uma mutação particularmente...

“Um Diário do Ano da Peste”, de Daniel Defoe

Daniel Defoe escreveu uma reportagem sobre a epidemia de peste bubônica que dizimou 70.000 vidas em Londres, no ano de 1665. Misturando reportagem e ficção, se esmera em registrar os...

O AMOR NOS TEMPOS DE CÓLERA POR GABRIEL GARCÍA MÁRQUEZ

Um dos livros mais importantes de Gabriel García Márquez.Ainda muito jovem, o telegrafista, violinista e poeta Gabriel Elígio Garciá se apaixonou por Luiza Márquez, mas o romance enfrentou a oposição...

ENSAIO SOBRE A CEGUEIRA POR JOSÉ SARAMAGO

Um motorista parado no sinal se descobre subitamente cego. É o primeiro caso de uma "treva branca" que logo se espalha incontrolavelmente. Resguardados em quarentena, os cegos se perceberão reduzidos...

A PESTE DE ALBERT CAMUS

Na manhã de um dia 16 de abril dos anos de 1940, o doutor Bernard Rieux sai do seu consultório e tropeça num rato morto. Este é o primeiro sinal...

A morte no Frankenstein de Mary Shelley

A morte no Frankenstein de Mary Shelley: quando a realidade é mais forte do que a ficção //Viviane Cristina Cândido* Os grandes clássicos da literatura são inesgotáveis! Deles podemos nos aproximar...

O décimo primeiro mandamento

//Roberto Luiz d’Avila* VERGHESE, Abraham. O décimo primeiro mandamento. Tradução Donaldson M. Garschagen. São Paulo: Companhia das Letras, 2011. 632 p. Pense num romance escrito neste novo século que fale...